• Victor Barboza

Confira 12 Sistemas para Gestão Financeira de Pequenas Indústrias

Atualizado: 28 de jan.




Independente do porte ou do segmento, todo negócio precisa ter um bom controle financeiro, para monitorar a sua saúde financeira e, caso necessário, tomar as ações necessárias. As pequenas empresas, sejam elas de comércio, serviços ou indústrias, se viram, por muito tempo, sem soluções que se adequassem ao seu perfil, seja por conta do valor, como também por conta da complexidade. Neste caso, planilhas e controles manuais acabavam sendo a solução que restava.


Porém, com o avanço da tecnologia e o surgimento das fintechs, diversas soluções começaram a aparecer contribuindo não só para a gestão financeira dos pequenos negócios, como também funcionando como ERP’s!


O que é um ERP?


ERP é a sigla para a expressão Enterprise Resource Planning, ou “Sistema Integrado de Gestão”. Trata-se de um sistema que auxilia as empresas a melhorarem seus processos internos e ter tudo integrado: financeiro, vendas, estoque e recursos humanos.


O desenvolvimento do sistema ERP já possui mais de 100 anos, quando o engenheiro Ford Whitman Harris criou o modelo EOQ (Economic Order Quantity), para programar produções. Na sequência, a Black & Decker adotou uma solução para planejar as necessidades de materiais, modelo conhecido como MRP (Material Requirements Planning). Posteriormente, em 1983, foi criada uma nova metodologia, a MRP II (Manufacturing Resource Planning).


Em 1990, a tecnologia foi evoluída e o sistema passou a trazer novos setores da empresa: finanças, RH e vendas. Esse sistema ganhou o nome de ERP.


ERP e fintechs: sinergia


A tecnologia dos ERP’s trouxe para dentro das empresas maior praticidade, eficiência e maiores oportunidades. Com o boom das fintechs, percebeu-se uma nítida similaridade destas com os ERP’s: ambos têm o poder de aumentar a eficiência a partir da automatização de processos manuais, com soluções que promovem crescimento, visibilidade e controle.


Assim, naturalmente, percebe-se que vários ERP’s transformam-se em fintechs, através da adição de soluções financeiras como controle financeiro, módulo de pagamentos, emissão de notas fiscais, integração bancária.


Sistemas de Gestão Financeira para Pequenas Indústrias


Após o boom dos ERP’s e das fintechs, começou-se um novo movimento, nichando as soluções para um público específico. Muito mais do que soluções voltadas apenas para pequenos negócios, começaram a aparecer sistemas voltados, por exemplo, para profissionais da sáude, e-commerces, prestadores de serviços e pequenas indústrias.

Isto aconteceu por conta de cada um destes públicos terem necessidades específicas, que um sistema genérico não oferecia. No caso das indústrias, um bom controle de produção e estoque, integrado com o controle financeiro e de vendas, passou a ser oferecido. Confira abaixo algumas fintechs que oferecem estas soluções:


· Nomus ERP Industrial

o O que oferece: Controle de Vendas, Controle Financeiro, Controle de Estoque, Otimização da Produção, Controle de custos de produção, Controle de Qualidade


· ERP Pronto

o O que oferece: gestão industrial, gerenciamento de consignados, gestão da qualidade, gerenciamento de custos, simulação de custos de produto, compliance, gerenciamento de operações de terceiros, controle financeiro, fiscal e tributário


· Cigam

o O que oferece: Controle de Vendas, Faturamento e Pedidos, Comex Exportação, Gestão Financeira, BI, Escrita Fiscal, Logística e Distribuição e Controladoria


· Methos

o O que oferece: Gestão da Produção, Gestão Financeira, Gestão de Estoque, Bloco K, Gestão de Vendas, Gestão Fiscal, Gestão de Custos


· ATS Informática

o O que oferece: Controle de rotas de entrega, controle de compras, gestão financeira completa, controle de matéria prima


· WebMais

o O que oferece: Módulo Compras, Módulo de Materiais, Módulo Comercial, Módulo de Expedição, Módulo de Produção, Módulo Financeiro (emissão de boleto, integração bancária, gerenciamento de comissões, fluxo de caixa, relatórios, controle de rateio de despesas, cobrança), Módulo Controladoria, Módulo CRM, Módulo de Emissão de Documentos Fiscais


· Sensio ERP

o O que oferece: emissão de notas fiscais, controle financeiro (fluxo de caixa, DRE, extratos e centros de custos)


· Tiny

o O que oferece: Possui três módulo principais, voltados para as pequenas indústrias:

  • Suprimentos e Produção: ordens de produção, ordens de compra, controle de estoque e necessidade de fabricação

  • Vendas e faturamento: propostas comerciais, pedidos de venda, emissão de nota fiscal eletrônica

  • Financeiro: emissão de boletos, fluxo de caixa, relatórios


· Bling!

o O que oferece: gestão financeira, controle sobre fabricação de produtos, controle de estoque


· Omie

o O que oferece: Controle de estoque, geração de SPED Bloco K, Custos de mão de obra, Status de produção, Relatório de curva ABC


· Conta Azul

o O que oferece: contrato e gestão de vendas integrados, controle de orçamentos, controle de estoque, gestão de compras, fornecedores e transportadoras


· Gestão Click

o O que oferece: controle financeiro, controle de estoque, emissão de ordem de serviço


Quer conhecer mais sobre estas soluções? Acesse nosso site e confira!

81 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo