top of page

Mercado Bitcoin amplia oferta de memecoins com Dogwifhat, o doguinho de crochê


dog


Em meio à alta do Bitcoin, que esta semana atingiu cotação recorde, as memecoins estão entre os ativos mais valorizados do mercado cripto este ano. Para dar ainda mais opções para os seus clientes, o Mercado Bitcoin (MB), maior plataforma de ativos digitais da América Latina, fez uma listagem relâmpago da Dogwifhat (WIF), o simpático doguinho de crochê. 

 

A Dogwifhat, que foi lançada em novembro do ano passado na rede Solana, é baseada no meme de 2019 de um filhote de shiba inu com uma touca de crochê. Em fevereiro, quando as memecoins dispararam, a WIF foi uma das que lideraram a alta. Desde que surgiu, acumula uma alta de mais de 100.000%. Sua capitalização chegou a ultrapassar a marca de US$ 2 bilhões.

 

“A Dogwifhat está sendo listada no MB para fortalecer ainda mais a nossa prateleira de memecoins. Diferentemente de criptoativos ou tokens lastreados em ativos reais, os chamados RWAs, a ideia aqui não é fazer um investimento. É apenas diversão”, explica Lucca Benedetti, responsável por listagens do MB.

 

Apesar de não ser um investimento, entre as top 15 criptomoedas em negociação na plataforma do Mercado Bitcoin, cinco delas eram memecoins na última quarta-feira (6 de março). Em fevereiro, a Dogwifhat subiu mais de 600%.   

24 visualizações0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
crowdtech
bottom of page