top of page
  • Foto do escritorFincatch

Com R$7 milhões, SMU tem captação de crowdfunding surpreendente




Este está sendo um grande ano para a SMU Investimentos. A plataforma de crowdfunding de investimentos em startups acaba de registrar mais uma importante conquista para sua jornada no mercado de investimentos. Com a meta de realizar a maior captação do mercado, a companhia registra a entrada de R$7 milhões, em um novo conceito de mini IPO, pois as cotas de investimento estarão disponíveis para serem negociadas no recém-lançado mercado de startups, a Estar. Com isso, a SMU é reconhecida como a primeira a registrar essa marca de maior captação de crowdfunding do Brasil. A iniciativa faz parte do projeto de desenvolver a Estar, o Mercado Secundário de Startups aprovado pela CVM, no sandbox regulatório no início do ano.


“Meta alcançada. Somos a maior captação de crowdfunding do Brasil. Essa conquista faz parte do nosso objetivo de expandirmos os horizontes de atuação e embarcar com formatos variados de investimento para o mercado de startups. É uma grande conquista para nós, mas sobretudo para o mercado”, comemora Diego Perez, CEO da SMU Investimentos e da ABFintechs.


Além da Estar, recentemente a empresa apresentou uma nova frente de negócio, o Carrera Capital, fundo de Venture Capital para liderar rodadas de crowdfunding no Brasil e América Latina voltado a investidores de alta renda. Criado a partir da união entre a experiência em crowdfunding com o histórico de gestão de recursos da empresa, o Carrera Capital investe em ofertas da SMU e de outras plataformas de crowdfunding atuantes no Brasil, México, Colômbia e demais localidades onde houver oportunidades.


“Alcançar a expectativa que tínhamos em relação a captação só reforça nossa dedicação e seriedade frente ao mercado, que cada vez mais está aberto para o investimento em startups e outras carteiras. Nosso objetivo é valorizar mais e mais esta modalidade de investimento e instruir as pessoas em como fazer isso”, finaliza Perez.


4 visualizações0 comentário
Post: Blog2_Post
bottom of page