top of page

EntrePay adquire Wealth Money por valor surpreende!


dinheiro


R$10 milhões! Foi esse o valor pago pela EntrePay para adquirir a Wealth Money. A EntrePay é uma empresa de adquirência - as famosas maquininhas que o comércio usa para passar cartões de crédito e débito dos clientes. A Wealth Money é o novo nome da antiga Wise Money - startup que oferece empréstimos P2P.


A EntrePay adquiriu a Wealth Money por R$10 milhões e, dos 4 fundadores, manterá 3 em cargos executivos na empresa. Dessa forma, a EntrePay ampliou a lista de produtos, assim, passa a oferecer aos clientes mais uma alternativa de crédito a juros mais interessantes que os dos bancos, além de poder criar FIDCs (Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios) baseados nos recebíveis de cartões de crédito. Sócio da Entre Investimentos, proprietária da EntrePay, diz que adquirir a Wealth Money fortalece a rede de clientes e possibilita oferecer mais opções de soluções e serviços.


Segundo o sócio fundador, Diego Camacho, a Wealth Money pretende ampliar suas operações para passar dos R$100 milhões. A operação teve início em 2020, durante os dois primeiros anos, até 2022, a empresa já fez o intermédio de R$12 milhões.





A Wealth Money pretende lançar várias novidades interessantes no mercado. Estão nos planos lançar um novo aplicativo e um sistema que possibilite o investimento por Whatsapp. Além de novidades voltadas a pequenas e médias empresas como FIDC entre R$10 milhões e R$20 milhões; FIDC de crédito com garantias de recebíveis de cartões de crédito; plataforma voltada para assessores de investimentos - para o P2P da Wealth Money.


Empréstimos P2P são uma forma mais interessante de interação no mercado financeiro. Quem tem o dinheiro, pode emprestar recebendo juros com valores mais altos do que receberia, por exemplo, através da compra de um CDB de um banco. Quem precisa emprestar, paga juros com valores menores do que se, por exemplo, fizesse uso do cheque especial. Os empréstimos na modalidade P2P são excelentes para os dois lados da moeda.


A modalidade de empréstimo P2P, nos EUA e na Europa, onde já existe há mais tempo, tem empresas que faturam na casa dos bilhões de dólares ao ano - como a Lending Club.


No Brasil, o mercado de P2P cresce bastante. Sua regulamentação ocorreu em 2018, portanto, é bem recente. No entanto, hoje, já tem seu valor estimado em R$3 bilhões com mais de 10 empresas atuando no mercado. Há uma perspectiva de diminuição dos juros, portanto, a expectativa é de um crescimento ainda maior nos próximos anos.


A Wealth Money está muito bem nesse mercado, com cadastro de mais de 50 mil clientes, sendo tanto de tomadores de crédito quanto de investidores. As perspectivas parecem bastante promissoras para a empresa!


42 visualizações0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
crowdtech
bottom of page