top of page

Asaas levanta R$ 50 milhões em segundo FIDC


invest

O Asaas, conta digital completa para empresas e líder no setor de PMEs, acaba de levantar R$ 50 milhões em seu segundo FIDC. Após recente aporte financeiro de R$ 100 milhões, essa nova captação chega para acelerar a operação de antecipação de recebíveis de cartão de crédito, melhorando o fluxo de caixa para seus clientes. Para a estruturação do fundo e coordenação da distribuição das cotas, o Asaas contou com o Itaú BBA. E, essa não é a primeira vez que a fintech, fundada pelos irmãos catarinenses Piero e Diego Contezini em 2014, levanta um FIDC. Em 2019, a empresa levantou um fundo com foco na antecipação de boletos. Já neste FIDC II o foco será em recebíveis de cartão de crédito. “Sabemos que este fundo chega em um momento muito desafiador para o nosso mercado, porém, temos crescido de forma muito responsável e saudável. Nos últimos 12 meses, alcançamos a marca de R$ 15 bilhões em volume total transacionado, sendo R$ 1 bilhão só de cartão de crédito. O nosso objetivo com esse FIDC é acelerar a concessão de antecipação para os nossos clientes, ajudando-os a ter mais capital de giro e liquidez a um preço competitivo”, revela João Vitor Possamai, CFO do Asaas.

A responsabilidade de gestão do fundo é da Oliveira Trust na oferta 476 coordenada pelo Itaú BBA, e a cota sênior foi adquirida por investidores institucionais. Já o Asaas, ficou com 100% da cota subordinada.

“Temos, aqui no Itaú BBA, o propósito de estimular a inovação e o desenvolvimento de negócios para nossos clientes. A estruturação do FIDC para o Asaas está alinhada a esse compromisso, uma vez que enxergamos boas perspectivas de crescimento para a empresa”, afirma Caio Viggiano, managing director de Renda Fixa do Itaú BBA. Outras séries do fundo devem ser lançadas em breve, depois de cumprir o lock-up regulatório de quatro meses. “A expectativa é de que a gente acelere a antecipação de recebíveis para os nossos clientes em mais de 60% até o final do ano”, finaliza Possamai. A captação deste fundo faz parte da estratégia de crescimento do Asaas, que tem como um dos objetivos alcançar a receita de R$ 1 bilhão e bater a marca de 1 milhão de clientes nos próximos três anos. Atualmente, a fintech atingiu a marca de 120 mil clientes PJ e a projeção é de crescer este número em mais 66% até o final do ano. Desde 2014, o Asaas já recebeu mais de R$ 200 milhões em investimentos, entre aportes financeiros e FIDCs.


13 visualizações0 comentário

Comentários


Post: Blog2_Post
crowdtech
bottom of page