top of page

Compra e venda de carteiras de crédito: quem se beneficia nessa dinâmica?


dinheiro


Muitas são as variáveis que compõem as “engrenagens” do mercado de crédito e cobrança. As movimentações deste setor indicam como devedores se mantêm ativos e com poder de compra e de crédito. E neste cenário, quero abordar como o mercado de negociação de créditos se tornou estratégico diante do cenário econômico brasileiro.


Iniciamos 2023 com 70,1 milhões de brasileiros com o nome restrito, de acordo com dados do Serasa. É nesse cenário de inadimplência que cresce o mercado de compra e venda de carteiras de crédito, uma cadeia vital para que as pessoas possam limpar seu nome e recuperar seu poder de compra e, assim, fazer a economia girar.


Devido ao desconhecimento dos processos envolvidos e de como realizar as negociações de crédito de forma correta, muitas organizações são reticentes em negociar suas carteiras, iniciativa que poderia ajudá-las a melhorar o caixa e consequentemente reduzir os efeitos da inadimplência.


Nessa dinâmica, quatro grupos se beneficiam das negociações de créditos. Com a antecipação de recursos que seriam recebidos no longo prazo, os vendedores ganham, de imediato, com recursos diretamente no caixa. Inclusive, há empresas que, já contando com essa via de liquidez, estruturam suas operações de uma maneira mais enxuta, ou seja, tendo dentro de casa apenas a área inicial da cobrança, terceirizando o restante da jornada ou simplesmente vendendo a carteira. Isso gera otimização de custos para o negócio.


Os compradores, em geral, adquirem muitas carteiras, o que faz com que eles ganhem escala nas operações. Se o trabalho é feito com estratégia, eles conseguem, inclusive, ter fôlego financeiro para manter o constante investimento em tecnologias, equipes e parceiros. O desafio para esse grupo, porém, é manter as engrenagens da operação em perfeito funcionamento para fazer a recuperação realmente acontecer, evitando ou minimizando perdas.


Com a venda da carteira, o devedor ganha em flexibilidade para liquidar sua dívida, seja com relação ao valor, desconto, parcelamento ou prazo, algo difícil de se conseguir onde a dívida foi originada. Pode acontecer, inclusive, desse devedor ter a oportunidade de unificar diferentes dívidas em uma única negociação, com parcelas que realmente caibam em seu orçamento. Negociando, esse devedor melhora seu score de crédito nos bureaux .


Ao se tornar ex-inadimplente, toda pessoa torna-se novamente candidata a ter crédito, o que é excelente para a economia do País. E quanto mais a roda do crédito gira e as vias de recuperação de crédito se mostram eficientes, maiores são as chances de se baratear as taxas.


É muito importante que as pessoas tenham uma educação financeira e iniciativas para que consumam e gastem de forma consciente. Entretanto, diante de todos os fatores particulares e externos que podem ameaçar o poder de compra de cada cidadão, o mercado de compra e venda de créditos é uma via estratégica para que as organizações mantenham foco no seu core, minimizando perdas e seus clientes pessoas não deixem de comprar, fazendo assim com que a economia gire.


*Por Marcel Souza, Diretor Comercial da DebitumX


242 visualizações0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
crowdtech
bottom of page